Editora Thoth nas redes sociais:

     

Análise de Dicionários e Micropropostas Lexicográficas

R$ 75,00
Adicionar ao Carrinho

“As Análises de dicionários e micropropostas lexicográficas aqui compiladas oferecem uma perspectiva da relevância do contato entre pesquisadores em diferentes etapas de formação e em contextos de produção diversos, uma vez que esse contato oportuniza um vívido intercâmbio de ideias, o qual, certamente, tem grande valor para o desenvolvimento da ciência, neste caso específico, no âmbito dos estudos lexicográficos, campo que vem merecendo cada vez mais a dedicação de profissionais da educação, profissionais liberais e de lexicógrafos brasileiros.”

Categorias:
Tags:
Autores: Adja Balbino de Amorim Barbieri Durão , Aylton Barbieri Durão , Otávio Goes de Andrade

“As Análises de dicionários e micropropostas lexicográficas aqui compiladas oferecem uma perspectiva da relevância do contato entre pesquisadores em diferentes etapas de formação e em contextos de produção diversos, uma vez que esse contato oportuniza um vívido intercâmbio de ideias, o qual, certamente, tem grande valor para o desenvolvimento da ciência, neste caso específico, no âmbito dos estudos lexicográficos, campo que vem merecendo cada vez mais a dedicação de profissionais da educação, profissionais liberais e de lexicógrafos brasileiros.”

SOBRE OS ORGANIZADORES

SOBRE OS AUTORES

APRESENTAÇÃO


ANÁLISES LEXICOGRÁFICAS

CAPÍTULO 1

Adja Balbino de Amorim Barbieri Durão

Aylton Barbieri Durão

Otávio Goes de Andrade

PASSANDO O DICOPOES EM REVISTA

Introdução

1 Princípios macroestruturais

2 Princípios microestruturais

Conclusões

Referências


CAPÍTULO 2

Andréia Jardim Tavares

ALGUNS DADOS SOBRE A TIPOLOGIA DE EXERCÍCIOS PARA O ENSINO DE VOCABULÁRIO EM LIVROS DIDÁTICOS DE ESPANHOL COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA PARA BRASILEIROS

Introdução

1 Panorama do ensino de espanhol no Brasil: leis e atualidades

1.1 Legislação e o ensino de espanhol como língua estrangeira no Bra-sil

1.2 MERCOSUL e o ensino de espanhol como língua estrangeira no Brasil

1.3 A Produção de material didático e o ensino de espanhol como língua estrangeira

2 Lexicologia

2.1 Lexicologia: integrante das ciências do léxico

2.2 Vocabulário e sala de aula

3 Descrição do material didático que gerou o corpus

3.1 Análise do vocabulário relacionado à comida

3.1.1 Mucho

3.1.2 ¡Por Supuesto! Español para Brasileños

3.1.3 Espanhol série Brasil

3.1.4 Expansión

3.2 Análise geral

Considerações finais

Referências


CAPÍTULO 3

Geisiana Mendes Viana Zamariam

ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE DICIONÁRIOS E ENSINO DE ESPANHOL COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA PARA BRASILEIROS

Introdução

1 Produção de materiais didáticos e dicionários

2 Questões lexicológicas, terminologia técnica e lexicografia

3 Dicionários

3.1 Dicionário monolíngue

3.2 Dicionário bilíngue

3.2.1 Dicionário bilíngue tradicional

3.2.2 Dicionário semibilíngue

4 Metodologia

5 Apresentação dos dicionários analisados

5.1 Diccionario de uso del español

5.2 Dicionário Espanhol-Português, Português-Espanhol

5.2.1 Microestrutura

5.3 Michaelis: dicionário Espanhol-Português, Português-Espanhol

5.3.1 Microestrutura

5.4 Minidicionário escolar de Espanhol: Português / Espanhol, Espanhol / Português

5.4.1 Microestrutura

5.5 Diccionario bilingüe de uso Español-Portugués, Português-Espanhol

5.5.1 Microestrutura

5.6 Análise do dicionário Espanhol-Português / Português-Espa-nhol

5.6.1 Microestrutura

5.7 SEÑAS: diccionario para La Enseñanza de La Lengua Española para brasileños

5.7.1 Microestrutura

5.8 Diccionario escolar de la lengua española

5.8.1 Microestrutura

5.9 Diccionario de la lengua española

5.9.1 Microestrutura

6 Análise geral das obras

Considerações finais

Referências


CAPÍTULO 4

Thalita Aguiar Molin

FICHA LEXICOGRÁFICA E ENSINO DE ESPANHOL A BRASILEIROS: ANTECEDENDO A ELABORAÇÃO DE GLOSSÁRIOS 

Introdução

1 Fraseologia: a bola da vez ou chegou para ficar?

Considerações finais

Referências


CAPÍTULO 5

Sueli Cabrera Fioravanti

AS VARIEDADES LEXICAIS DA LÍNGUA ESPANHOLA EM DICIONÁRIOS BILÍNGUES PORTUGUÊS-ESPANHOL: ANÁLISE COMPARATIVA DO TRATAMENTO LEXICOGRÁFICO NO CAMPO SEMÂNTICO DOS ALIMENTOS

Introdução

1 Variação linguística e a língua espanhola

2 Variedades lexicais em dicionários bilíngues: português-espanhol

Considerações finais

Referências


CAPÍTULO 6

Raquel Bicalho de Carvalho Barrios

Vanessa Cruz Mantoani

O DICIONÁRIO DA “REAL ACADEMIA ESPAÑOLA”

1 A “real academia española”

2 Os dicionários

2.1 Dicionário Impresso

2.2 Dicionário Online e digital

3 Outras ferramentas e publicações da RAE

3.1 Mapa de dicionários

3.2 Outros dicionários da RAE

3.3 O DRAE e o ensino e aprendizagem de ELE

Referências


CAPÍTULO 7

Heloanna Salatta Pini

Vanusa Fogaça de Freitas Prado

O DICIONÁRIO AURÉLIO: CONCEITO E ESTRUTURA

Introdução

1 O autor

2 O Dicionário Aurélio

2.1 Critérios e metodologias

2.2 Macroestrutura

2.3 Microestrutura

3 Aurélio: sinônimo de dicionário? sob o olhar de Maria Tereza Camargo Biderman

3.1 Os verbetes do Dicionário Aurélio

Considerações finais

Referências


CAPÍTULO 8

Marcia Teshima

Juliana Carvalho Pavão

O DICIONÁRIO JURÍDICO BRASILEIRO E O DICIONÁRIO JURÍDICO ESPANHOL: UM ESTUDO PELO OLHAR DA LEXICOLOGIA E LEXICOGRAFIA

Introdução

2 A utilidade da lexicologia e lexicografia

3 Vocabulários e dicionários jurídicos

3.1 Dicionário Jurídico

3.1.1 De Plácido e Silva

3.1.2 Maria Helena Diniz

3.2 Diccionario Del Español Jurídico

Conclusões

Referências


CAPÍTULO 9

Isabella Medeiros Ferro

Luana Camila Costa

DICIONÁRIO KAINGANG-PORTUGUÊS PORTUGUÊS-KAINGANG - URSULA GOJTÉJ WIESEMANN

Referências


MICROPROPOSTAS LEXICOGRÁFICAS


CAPÍTULO 10

Estogildo G. Batista

Silvia Regina A. Heshiki

THESAURUS: FEELINGS

Introdução

1 Macroestrutura

2 Microestrutura

Conclusão

Referências

Apêndice A


CAPÍTULO 11

Gabriela Rossatto Franco

PROPOSTA DE MINIDICIONÁRIO COM EXPRESSÕES EMERGENTES NAS REDES SOCIAIS

Introdução

1 Proposta

1.1 Seleção e apresentação dos vocábulos

Conclusão

Referências


CAPÍTULO 12

Alexandre Stein

Clicy Anny de Oliveira Santos

REPERTÓRIO DE TROCAS LEXICAIS POR ESTUDANTES DE LÍNGUA INGLESA

Introdução

1 Funções do repertório de trocas lexicais comuns em língua ingle-sa

2 Características gerais

3 Apresentação do Oxford Dictionary

4 Apresentação do Cambridge Dictionary

5 Macroestrutura do repertório de falsos cognatos

6 Microestrutura do repertório de falsos cognatos

6.1 Acepções e exemplos de uso

6.2 Informação da categoria gramatical

6.3 Pronúncia

7 Repertório de falsos cognatos e seus pares

Considerações finais

Referências


CAPÍTULO 13

Camila Maria da Silva

Felipe Trevisan Ferreira

REPERTÓRIO DE PALAVRAS RECORRENTES EM ESTUDOS DE DIVERSIDADE SEXUAL E DE GÊNERO NO ENSINO DE LÍNGUAS

1 Os trabalhos acadêmicos

2 Os dicionários

2.1 Aurélio

2.2 Houaiss

2.3 Michaelis

3 O repertório

Considerações finais

Referências


CAPÍTULO 14

Ismael Ribeiro da Silva

Josué Marques Ferreira

ANÁLISE DE ALGUNS VERBETES DE VERBOS RETIRADOS DO DICIONÁRIO AURÉLIO – SÉCULO XXI VERSÃO ELETRÔNICA EDIÇÃO 3.0 DE 1999 – E DO DICIONÁRIO ELETRÔNICO HOUAISS DA LÍNGUA PORTUGUESA VERSÃO 3.0 (2009)

Introdução

1 Macroestrutura do Dicionário Aurélio

2 Houaiss versão eletrônica (2009)

3 Análise comparativa

Conclusão

Referências


CAPÍTULO 15

Kauana Scabori dos Santos

DICIONÁRIO DIALETAL DO ESTADO DO PARANÁ: A RELEVÂNCIA DE UMA NOVA PROPOSTA PARA A LEXICOGRAFIA

Introdução

1 Passos iniciais para a elaboração

2 Fundamentação teórica

3 Repertório

Considerações finais

Referências

ISBN 978-65-5959-003-2
Dimensões 23 x 15.5 x 1
Tipo do Livro Impresso
Páginas 240
Edição 1
Idioma Português
Editora Editora Thoth
Publicação Fevereiro/2021
  1. Adja Balbino de Amorim Barbieri Durãoadjabalbino@gmail.com
    Graduada em Letras Português-Espanhol (1983, UFRJ). Mestre em Letras Neolatinas – Língua Espanhola e Literaturas Hispânicas (1994, UFRJ). Doutora em Linguística (1998, Universidad de Valladolid, Espanha). Pós-doutorado (2005, Universidad de Alcalá, Espanha). Pós-doutorado (2015, Universität Augsburg, Alemanha). Pós-doutorado (2020, Universidad de Valladolid, Espanha). Professora Associada da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Docente permanente do Programa de Pós-graduação em Linguística (PPGL/UFSC). Docente permanente do Programa de Pós-graduação em Estudos da Tradução (PPGET/UFSC). Coordenadora do CALEPINO: Núcleo de Lexicografia Multilíngue da Universidade Federal de Santa Catarina. Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq. CV: http://lattes.cnpq.br/9230136802984841. E-mail: adjabalbino@gmail.com
  2. Aylton Barbieri Durãobarbieri@cfh.ufsc.br
    Graduado em Filosofia (1983, UERJ). Mestre em Filosofia (1995, UFRJ). Doutor em Filosofia (2003, Universidad de Valladolid, Espanha). Pós-doutorado (2004, UFRJ). Pós-doutorado (2007-2008, Consejo Superior de Investigaciones Científicas, Madri/Espanha). Pós-doutorado (2009-2010, Consejo Superior de Investigaciones Científicas, Madri/Espanha). Pós-doutorado (2014-2015, Consejo Superior de Investigaciones Científicas, Madri/Espanha). Professor Associado da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Docente do Programa de Pós-graduação em Filosofia (PPFIL/UFSC). Docente permanente do Programa de Pós-graduação em Estudos da Tradução (PPGET/UFSC). CV: http://lattes.cnpq.br/6958840944336762. E-mail: barbieri@cfh.ufsc.br
  3. Otávio Goes de Andradeotavioandradeuel@gmail.com
    Graduado em Letras Português-Espanhol (UNESP/1995) e Direito (PUC/2015). Especialista em Filosofia Política e Jurídica (UEL/2012). Máster en Enseñanza de Español para Brasileños (Instituto Cervantes - Universidad Menéndez Pelayo/2007). Mestre em Letras (UNESP/2000). Doutor em Estudos da Linguagem (UEL/2010). Pós-Doutor em Linguística (UFSC/2018). Professor do Departamento de Letras Estrangeiras Modernas da Universidade Estadual de Londrina, desde 1997. CV: http://lattes.cnpq.br/1943376494360290. E-mail: otavioandradeuel@gmail.com

Acessar Conta



Esqueceu sua senha?

Esqueceu sua senha?

Digite seu e-mail abaixo para iniciar o processo de recuperação de senha.